Dividendos e JCP: Banco do Brasil anuncia pagamento R$ 714,3 milhões aos acionistas; veja as condições para receber

Publicidade


Os acionistas do Banco do Brasil (BBAS3) têm mais dividendos a caminho. O banco decidiu antecipar o pagamento de proventos referentes aos resultados do segundo trimestre do ano na forma de juros sobre capital próprio (JCP).

O BB vai pagar um total de R$ 714,2 milhões, o equivalente a aproximadamente R$ 0,2502 por ação. Vale lembrar que, ao contrário dos dividendos, o JCP não é isento de imposto de renda.

Publicidade

O pagamento será realizado em 30 de junho e terá por base a posição acionária de 13/06, ou seja, receberão os dividendos aqueles acionistas com ações do banco até o dia 13. A partir do dia 14, as ações ficam “ex”, ou seja, sem direito ao JCP.

O primeiro trimestre do Banco do Brasil

O Banco do Brasil divulgou seus resultados referentes ao primeiro trimestre de 2022 no começo do mês. Os números chamaram atenção: R$ 6,613 bilhões de lucro líquido ajustado, acima do valor projetado pelo mercado.

Publicidade

O resultado representa uma alta de 34,6% em relação ao 1T21. Já quando comparado ao quarto trimestre do BB, houve aumento de 11,5%.

Quanto às receitas de prestação de serviço, houve aumento de 9,4% em relação ao mesmo período do ano anterior, totalizando R$ 7,5 bilhões.

O BB atribui o aumento ao desempenho comercial nos setores de administração de fundos, seguridade, consórcios e operações de crédito. A performance desses segmentos conseguiu compensar a redução apresentada nas receitas com conta corrente.

No pregão de ontem da B3, as ações do Banco do Brasil (BBAS3) fecharam em queda de 0,29%, cotadas a R$ 37,46. No ano, porém, os papéis acumularam alta de 36%.

Leia também:





Publicidade