10 anos de prisão! Mãe de Geddel é condenada no caso do ‘bunker’ de R$ 51 mi

0
334
Geddel e Lúcio Vieira Lima
Geddel e Lúcio Vieira Lima

O décimo juiz federal do Tribunal Criminal Federal, Vallisney de Souza Oliveira (Vallisney de Souza Oliveira), condenou na quarta-feira (03) o ex-ministro Geddel Vieira Lima (Geddel). Mãe de Vieira Lima, Marluce Quadros Vieira Lima (Marluce Quadros Vieira Lima), envolveu um caso de bunker envolvendo 51 milhões de reais em El Salvador. A sentença foi condenada a dez anos de prisão por lavagem de dinheiro e organização criminosa, mas devido à idade avançada de Marluce e problemas de saúde, o juiz de paz permitiu que a sentença fosse cumprida na família ou em “outros meios de comunicação mais apropriados”.

Em outubro de 2019, Geddel e seu irmão, o ex-deputado Lúcio Vieira Lima, foram condenados a 14 anos, 10 meses, 10 anos e 6 meses de prisão no mesmo caso. Devido ao privilégio de um foro privilegiado, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal analisou seu caso, e a ação contra Maruch foi encaminhada à primeira instância.

LEIA TAMBEM

De acordo com o juiz Vallisney Oliveira, o Ministério Federal de Assuntos Públicos (MPF) forneceu evidências de que os irmãos Vieira Lima e sua mãe “iniciaram uma impressionante corrente de lavagem de dinheiro”. Até setembro, 51 milhões de reais foram confiscados no bunker de Salvador. 2017

VEJA VAGAS DE EMPREGO

CONTINUE LENDO CLICANDO EM PRÓXIMO

DEIXE SEU NOME E SUA ORAÇÃO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui